Campeonato Mineiro Masculino de Vôlei mostra evolução e se consolida como um dos mais fortes do país

Campeonato Mineiro Masculino de Vôlei deve apresentar desenvolvimento nos próximos anos (crédito: Ronaldo Silveira)

Faltando pouco menos de um mês para o fim da fase de classificação, marcada para 18 de novembro, o Campeonato Mineiro Masculino de Vôlei mostra sua força, por meio do bom nível técnico apresentado pelas cinco equipes participantes (Sada Cruzeiro, Vivo-Minas, BMG-Montes Claros, UFJF e Olympico-Martminas). Todas elas participarão da Superliga 2011-2012, com previsão de início para o mês de dezembro.

Apesar da presença do Olympico no estadual, é provável que a equipe do técnico André Doniga participe do campeonato nacional representando o estado do Paraná. No entanto, a situação ainda não está definida e mudanças podem acontecer. Os quatro mineiros já garantidos na Superliga igualam o número de participantes paulistas (BMG-São Bernardo, Sesi-SP, Vôlei Futuro e Medley-Campinas), considerado como um dos mais fortes do país pelo nível de investimento e pelos jogadores e treinadores de renome presentes.

Ao contrário dos últimos anos, quando a competição era considerada defasada pelo número limitado de equipes aliado a um vôlei de pouca motivação e exigência, em 2011 o torneio se apresenta como uma boa forma de preparação para o campeonato nacional, que irá reunir boa parte do elenco da seleção brasileira em times de diferentes cidades e estados. “Este era o desejo de muito em ter um campeonato de bom nível, com equipes fortes e competitivas. Com o passar dos anos, é bem provável que cheguemos ao mesmo nível ou quem sabe em um patamar superior ao apresentado em território paulista”, declarou Maurício Bara, técnico do UFJF, equipe que ainda não venceu nenhuma partida no campeonato, depois de cinco jogos. Para ele, o campeonato mineiro poderia receber avanços com um número maior de equipes mais competitivas. Oito é considerado, para o treinador, um número ideal. “O estado caminharia, naturalmente, para um grande desenvolvimento, que beneficiaria a todos”, relata.

Sua equipe terá mais três jogos decisivos na reta final do campeonato mineiro. Nos cinco jogos disputados até então, a atenção era dividida com a Liga Nacional, que valia vaga na Superliga. Agora, com o foco somente no estadual, o momento é de decisão. “Precisamos vencer todos os jogos restantes (dois contra Olympico e um contra o Sada) e torcer contra o Olympico. Temos chances, mas ainda respiramos com ajuda de aparelhos”, exemplifica Bara. O Campeonato Mineiro serve como processo de seleção de muitos jogadores que estão tendo sua capacidade avaliada em uma competição de nível. Alterações para a Superliga irão acontecer, fatalmente. “Não poderíamos ter tido melhor oportunidade do que um campeonato como este para fazermos o levantamento do que deve ser mantido e do que precisa mudar”, comentou.

Até mesmo as equipes que não são consideradas favoritas, mostram um bom trabalho, atrapalhando a vida dos grandes e reforçando o crescimento do esporte em Minas Gerais. O UFJF conquistou vaga na Superliga depois de ficar em segundo lugar na Liga Nacional, competição que também garantiu o Olympico na elite do vôlei brasileiro. O time do bairro na Serra surpreendeu a muitos derrotando o Vivo-Minas, na última quinta, em plena Arena da Rua da Bahia. A vitória no tie-break mostrou que a preparação está sendo bem feita e que mais triunfos podem aparecer. E que a sensação de surpresa seja cada vez menor, dando espaço para o merecimento de treinamentos duros e consistentes. As duas equipes voltam a se encontrar hoje, ás 11h, no ginásio da Serra (entrada pela Rua Caraça, s/nº, esquina de Estevão Pinto). Uma boa oportunidade para ver um duelo que promete ser equilibrado, com a presença de duas equipes que prometem se empenhar bastante para conseguir um lugar de destaque na Superliga.

Na partida de estreia, a equipe de Juiz de Fora deu trabalho para o tradicional Vivo-Minas. Venceu um set diante dos comandados de Marcelo Fronckowiak e mostrou que muito ainda poderia ser feito, apesar da derrota. Na partida seguinte, também em casa, contra o atual campeão Sada, um melhor rendimento, mas a derrota no tie-break não pôde ser evitada.

Apesar do favoritismo das equipes que maior investimento estar sendo confirmado até o momento (veja quadro com resultados e classificação), as equipes menos conhecidas provam que o vôlei mineiro está em ascensão. A comprovação pode vir na Superliga, principalmente se os representantes de Juiz de Fora conseguirem incomodar os grandes. Surpresas também são passíveis de acontecer no vôlei. Um bom exemplo é o equilíbrio esperado no duelo entre Sada e Montes Claros, que foi por água abaixo depois da equipe cruzeirense aplicar 3 sets a 0 contra um dos favoritos á conquista do título estadual.

No Campeonato Mineiro Masculino de Vôlei, cada equipe joga oito vezes, contra todos os adversários, dentro e fora de casa. Devido aos compromissos dentro e fora do Brasil de algumas agremiações, como o Sada (participou de torneios na Argentina e Estados Unidos) e o Vivo-Minas (realizou excursão pela Europa, com partidas na França e Suíça), o número de jogos realizados até o momento difere. Enquanto o Montes Claros e UFJF já fizeram cinco jogos, o Sada realizou apenas três. Neste domingo, o Minas chega à sua quinta apresentação e o Olympico à quarta. Depois de 18 de novembro, sairá a classificação completa, onde os quatro melhores passam às semifinais, que serão decididas em jogo única na casa da equipe de melhor campanha. O líder de momento é o BMG-Montes Claros, com quatro vitórias em cinco jogos, seguido pelo Minas com duas vitórias em quatro jogos. Apesar da invencibilidade, o Sada é o terceiro colocado, pelo menor número de partidas disputadas.

Anúncios

Sobre Daniel Ottoni

Desde 2011, repórter de esportes especializados do jornal O Tempo, de Belo Horizonte. Fale comigo no d.ottoni@gmail.com
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s